quarta-feira, 3 de novembro de 2010

024 Licença para calar...

Ontem, voltando de viagem de Brasília para casa, fiquei pensando....de repente me vi pensando muito, demais, incessantemente e isso me deu uma canseira, desejei que minha mente parasse naquele minuto e por alguns segundos, tudo parasse. Mas não parou, nada parou, a estrada seguia e meus pensamentos foram ficando mais e mais intensos,  quando  percebi, estava ali, imersa numa angústia tão estranha, uma vontade de emudecer por tempo indeterminado, de não responder se alguém perguntar o que é que eu tenho, pois na verdade, nem eu mesma saberia dizer, não tenho nada, não quero nada, não falo nada. Essa talvez fosse minha resposta...mas tem o marido que quer saber, tem o filho que demanda normalidade e tudo que preciso, são alguns momentos em silêncio total, quero ausência de mim....não é uma pausa, é verdadeiramente um descanso de todo e qualquer questionamento, é ter a liberdade de não ter que explicar, apenas seguir respirando, existindo, quieta.....vazia e em branco....por pelo menos 24h.....beijos quietinhos.....

15 comentários:

  1. Será que são os hormônios? Quabndo encontrar uma forma de justificar essas angusticas sem causa me conta tá amiga? Porque ninguém entende mesmo...beijo querida e paz no seu coraçãozinho!

    ResponderExcluir
  2. As vezes eu tbm quero esse silêncio...essa vontade de calar...Cala hoje, mas não demora a voltar.

    Bjão

    ResponderExcluir
  3. Oi Amiga,
    As vezes também procuro um cantinho pra me esconder, só por uns segundos longe até de mim mas, com dois adolescentes em casa, fica dificil...
    Beijos,
    Cris joão.

    ResponderExcluir
  4. entendo plenamente o quis vc dizer (ou não dizer)
    bjos, Glau

    ResponderExcluir
  5. Ih...ontem foi dia! Essa pensação me assoma por vezes à noite...e cadê que durmo?
    De dia eu já aprendi a me desvencilhar das perguntas: digo que estou com muito sono, muito cansada....Preciso, pq adoro meus silêncios...Bjs

    ResponderExcluir
  6. As vezes passo por isso, ninguém me entende, nem eu me entendo, o melhor mesmo é o silêncio, ou musica bem alta, pra me fazer viajar pra outro lugar.

    Bjos

    ResponderExcluir
  7. Quando fico assim fecho a porta e digo que vou dormir!!! me escondo embaixo das cobertas Apago a luz e fico quietinha!!!!Acho que toda mulher tem esses momentos de querer silencio, o problema é que por sermos falantes quando isso acontece todos ficam preocupados. um beijo grande da Eliane.

    ResponderExcluir
  8. É tao engraçado como a gente parece que tem sempre que estar tinindo...nao que eu nao esteja bem, mas as vezes um silencio faz tao bem rss, beijocas

    ResponderExcluir
  9. Por isso vou ficar quietinha também. o meu dia também é de reflexão. Vc me fez perceber que além de alimentar o lobo certo também preciso calar por um período, nem que seja algumas horas, mas estou precisando desse tempo comigo sozinha sem questionamentos, pensamentos, cobranças, só deixando a cuca de molho como diria minha mãe.Bjs e um ótimo dia silencioso para vc amiga.

    ResponderExcluir
  10. Amiga, é verdade tem dias, às vezes épocas em que me sinto assim tbem, uma vontade de esvaziar a mente, tipo aquelas pessoas que meditam e que tem o poder de não pensar em nada, acho que funciona como um momento só seu, mas nem todo mundo compreende?!!!, tipo vc já viu o filme comer, rezar e amar?!!!, é muito bom mais tem uma cena que a moça tá num templo da Índia em que tem um crachá que a pessoa coloca na roupa escrito "voto de silêncio", tem dias que eu tbem gostaria de ter um desses, rsrsrs!!!, mas acho que essa sensação faz parte do amadurecimento da vida, bj♥kas queridona, e um bom restinho de semana, gente como eu falo!!!, rsrsrsr!!!, ;)...

    ResponderExcluir
  11. Esse teu falar e a tua vontade de silenciar um pouco me fez lembrar o seguinte:

    "Eu quero um colo, um berço
    Um braço quente em torno ao meu pescoço
    Uma voz que cante baixo
    E pareça querer me fazer chorar.
    Eu quero um calor no inverno
    Um extravio morno da minha consciência
    E depois sem som
    Um sonho calmo
    Um espaço enorme
    Como a lua rodando entre as estrelas."

    Extraído do livro do "Desassossego"
    Fernando Pessoa

    Xerinhos
    Paty

    ResponderExcluir
  12. Querida eu entendo perfeitamente, muitas vezes sinto-me assim, querendo ficar somente no meu cantinho, sem dizer nada, faz parte da vida essas pausas! Cris, www.encantosepresentes.blogspot.com

    ResponderExcluir
  13. Olá.
    Hoje venho aqui para te convidar para participar do amigo oculto do Mix.
    Passa lá:
    http://www.mixculturainformacaoearte.com/2010/11/amigo-oculto-de-livros-segundo-ano.html
    Te espero!

    ResponderExcluir
  14. Ás vezes cansa! Um tempinho para ficar calada e no silêncio é tudo que pedimos.
    Como te entendo!
    bjs
    Jussara

    ResponderExcluir
  15. Eu entendo bem o que é isso? Muitas vezes dá uma vontade enorme de ficar ali quietinha, sem falar, do nada. Mas eu só fico na vontade, porque não me deixam. Primeiro dizem que eu falo demais e quando paro perguntam o que eu tenho. Pode?

    ResponderExcluir

Escrevo porque encontro nisso um prazer que não consigo traduzir. Não sou pretensiosa. Escrevo para mim, para que eu sinta a minha alma falando e cantando, às vezes chorando... [ Clarice Lispector ]