quarta-feira, 22 de junho de 2011

Peraí só um pouquinho!!!!

Amigas, queria poder chegar hoje aqui, contando estórias engraçadas, falando meu besteirol usual, mas não vai dar, to com um probleminha com Pandinha que tirou um pouco da minha graça, da minha vontade de blogar, de passear e visitar todas vocês que gosto e admiro tanto!!! Todas vcs já estão carecas (opa, careca nao né gente?!!) de saber que ele tem TDAH  e Sindrome de Asperger, é um transtorno que ainda gera muita discussão, muita polêmica, mas gente, ele é real, ah se é!! Alguns sintomas paralelos, que na linguagem médica é chamado de comorbidade, é o pânico, medo, angústia, e no momento é o que Pandinha anda sentindo....é muito triste ver nosso filho passando por algo que vc nao tem controle, algo herdado de mim, sim, tb tenho tudo isso que ele tem, tal e qual, bem Bob Mãe, Bob filho!! Então queridas, peço licença daqui por alguns dias, não vou visitar vcs, nao vou escrever aqui, daqui a pouco isso passa e volto firme e forte ok?? De vez em quando posto um Vale a pena ler de novo, prá vcs não morrereeeeeem de saudades!!
Beijocas e até a volta!!

16 comentários:

  1. Amiga,
    Que os anjinhos estejam sempre acompanhando seu Pandinha e você também.
    Muita paz pro seu coração.
    Beijos, um dia colorido pra vocês.
    Lenita

    ResponderExcluir
  2. Querida Ro,
    Um caloroso abraço a você e ao queridissimo Pandinha...
    Grande beijo e até breve*

    ResponderExcluir
  3. Oi, Rô!
    Confie em Deus, pq se Ele te deu um anjinho pra cuidar, é porque sabia que não haveria nesse mundo melhor mãe para ele!
    Não entendo absolutamente nada de síndrome alguma, não tenho conselhos para te dar sobre esse assunto, mas conte com a minha ignorante e sincera amizade!
    Se precisar conversar, desabafar, qualquer coisa que esteja ao meu alcance, é só gritar!
    Estou rezando por vocês, e essa nuvem passageira vai embora logo, logo.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  4. Tudo de bom por aí e que o Pandinha fique legal logo!beijos,chica

    ResponderExcluir
  5. Oi amiga querida, Roberta, eu estou torcendo por vc sempre, vai dar tudo certo, confia que vai passar, muita tranquilidade para vocês nesses momentos, que Deus te dê a Paz, essa nuvem vai passar, beijos e saúde.

    ResponderExcluir
  6. Roberta,
    Que Deus proteja vocês e que tudo passe logo. Vai dar tudo certo e logo logo vc estará aqui e no twitter.
    Beijos
    Adriana

    ResponderExcluir
  7. OI QUERIDA!
    É ISSO MESMO ROBERTA, CUIDE DO QUE LHE SUSTENTA COMO MÃE, DO QUE LHE ALEGRA, LHE ORGULHA E LHE AMA INCONDICIONALMENTE: SEU PANDINHA!
    QUE ELE SUPERE COM LEVEZA TODAS ESTAS ANGÚSTIAS, E QUE VOCÊS SE FORTALEÇAM SEMPRE.
    MUITAS BÊNÇÃOS E MUITO CARINHO!
    BEIJINHOS PARA TODOS

    ResponderExcluir
  8. Toda a licença do mundo prá você cuidar do Pandinha e ajudá-lo a se restabelecer.
    Estarei aqui, como sempre, esperando seu retorno triunfante com mil novis massa que só você tem.

    Muah!

    E um abraço bem apertadinho no Pandinha.

    ResponderExcluir
  9. Querida, quando voltar, vc aceita me dar uma entrevista sobre este assunto??

    bj

    ResponderExcluir
  10. Querida fique bem pertinho do Pandinha, desejo melhoras para ele. Dê muitos beijos nele e diga que um foi por mim.
    bjs
    Jussara
    PS:Conhece esse blog?
    http://bethblue.blogspot.com/
    ela mora na Holanda e o menino dela também tem
    Sindrome de Asperge

    ResponderExcluir
  11. Meninas, obrigada pelo carinho, as coisas estão começando a voltar a normalidade, logo eu volto!! Beta, claro que faço a entrevista, sem problemas!! beijocas a todas

    ResponderExcluir
  12. Boa sorte, viu???
    EU tenho pânico. A síndrome. Aí que morro de medo da minha filha herdar isso de mim. Imagino como você se sente. Dê muita atenção e carinho, viu? Beijocas.

    ResponderExcluir
  13. Falou em cuidar de filho? Pode sair que a gente dá licença sim! Vamos ficar com saudades, mas filho é filho e pronto! Deu problema a gente se retira com essa majestade que você fez e vai à luta por eles.

    ResponderExcluir
  14. Roberta querida, eu fico só imaginando como seu coraçãozinho fica apertado, a gente que é mãe sofre 2 vezes.
    Deveria existir uma lei que proibísse nossos filhos de sofrer!
    Mas eu já te disse isso uma vez e vou repetir, Pandinha tem sorte de ter uma mãe assim como você, que vai proteger e cuidar dele sempre.
    Você está certíssima, parece que não, mas o blog consome nosso tempo e o tempo mais precioso precisa ser vivido com quem a gente ama e precisa de nós.
    Cuida do seu filhote, se cuida também e depois você volta aqui pra suas fãs, rsrsrs
    Bjs e dá um beijo no Pandinha por mim :)

    ResponderExcluir
  15. Ja fiquei um pouco feliz sabendo que as coisas estao voltando ao normal.
    Amassa e beija muito esse gurizinho que logo logo tudo passa.

    ResponderExcluir
  16. Querida sobrinha

    Nem sei o que dizer, mas a gente sofre sempre por alguém, filho principalmente, especialmente.
    Como estamos no século 21 muita coisa já se sabe e se trata, diferente do que vc disse que Pandinha herdou isso de você.
    Não é bem herdar, é que todos nós temos algo inerente que não sabemos como lidar quando isto ocorre.
    Que bom que agora já tem nome, já tem remédio e provavelmente terá a cura. Ponha isso no seu coração com muita fé.
    Estou atravessando um momento muito difícil com Fernanda na Alemanha. Está novamente com pânico, nervosa e foi para uma clínica.
    Mas tem marido que trabalha, filha também e fica sozinha em casa sofrendo, sofrendoe sofrendo. Que podemos fazer por ela?
    Gostaria de tê-la próxima a mim, a nós para como você pode lutar e vencer com Pandinha, ela também lutar para vencer.
    Tem sido difícil, mas vamos achar o caminho.
    E, prá você o amor é o remédio mais valioso que ele, esse garoto inteligente e lindo precisa.
    vamos prá fente, vencer.......bjs tia Noemi

    ResponderExcluir

Escrevo porque encontro nisso um prazer que não consigo traduzir. Não sou pretensiosa. Escrevo para mim, para que eu sinta a minha alma falando e cantando, às vezes chorando... [ Clarice Lispector ]